Make your own free website on Tripod.com

Strabo

ano 18 d.C.

A similaridade entre este mapa atribuído a Strabo que teria vivido no ano de 18 d.C. com os mapas de Heródoto ou de Eratosthenes não é ocasional, tanto quanto a origem de ambos não o é.

O mais provável é que os trabalhos de cartografia nestes tempos estivessem sendo elaborados com o intuito comercial, para que viessem a ser vendidos para navegadores da época que circulavam das Índias para a Europa trazendo as especiarias (canela, ervas, mate, cominho, pimenta-do-reino, seda, tecelagem, etc).

Strabo não seria portanto um importante cartógrafo ou importante navegador, mas sim um entre outros tantos que se aproveitaram dos trabalhos realizados por pesquisadores desconhecidos que fizeram estes registros cartográficos.

Entre os principais povos que navegavam nestas épocas e nas anteriores, estão os Celtas, os Vikings, os Fenícios e Cretenses.

Deles é que pode ter sido extraído os conhecimentos cartográficos que dariam origem aos mapas conhecidos e registrados por personalidades como Strabo.

O mapa acima é mais uma prova dos conhecimentos cartográficos e astronômicos que existiam no passado.

Não somente pela menção de uma forma esférica para o planeta, mas também pela alusão de que os continentes estivessem unidos no passado e próximos ao extremo Norte magnético.

O mapa que observamos acima permite perceber com exatidão de formato o continente Africano unido à Europa e a Ásia, fazendo fronteira marinha com uma região ao Oeste que seria a América do Sul, da mesma maneira como a Europa estaria próxima à América do norte e conferindo uma porção de terra nas proximidades do Estreito de Gibraltar (Atlântida?).

A identificação suposta pelo mapa confere com os dados mencionados no relato que foi trazido para Platão, onde a Atlântida é tratada como um império constituído por um grupo de ilhas. A representação observada aqui, apesar de grosseira, permite que percebamos os continentes que compunham o referido império tal como dizia Platão, partindo do referencial que é o Continente Africano, muito nítido e bastante exato no mesmo mapa.

VOLTAR